Pier Giorgio Frassati – Brasil Site brasileiro em homenagem ao Beato Pier Giorgio Frassati

12out/100

Missa do Beato Pier Giorgio Frassati

Antífona de entrada:

O justo se alegra pela vossa potência, Senhor, e exulta pela vossa Salvação; Vós satisfizésseis o desejo do seu coração.

Oração (Colletta - recolhimento):

Ó Pai, que doaste ao Beato Pier Giorgio Frassati a alegria de encontrar Cristo na fé e na caridade, por sua intercessão conceda que também nós possamos difundir entre os homens do nosso tempo o espírito das Bem Aventuranças Evangélicas. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, que é Deus e vive e reina contigo, na unidade do Espírito Santo, por todos os séculos dos séculos.

I Leitura: leitura do livro do profeta Isaías (Is 58, 6-11)

“O jejum que aprecio acaso não é este: desatar os laços provenientes da maldade, desamarrar as correias do jugo, dar liberdade aos que estavam curvados, em suma, que despedaceis todos os jogos? Não é partilhar o teu pão com o faminto? E ainda: os pobres sem abrigo, tu os albergarás; se vires alguém nu, cobri-lo-ás: diante daquele que é tua própria carne, não te recusarás. Então, a luz despontará como a aurora, e o teu restabelecimento se realizará bem depressa. Tua justiça caminhará diante de ti e a glória do Senhor será a tua retaguarda. Então tu clamarás e o Senhor responderá, tu chamarás e ele dirá: “Aqui estou!” Se eliminares da tua casa o jugo, o dedo acusador, a palavra maléfica, se cederes ao faminto o teu próprio bocado, e se aliviares a garganta do humilhado, tua luz se levantará nas trevas, tua escuridão será como o meio dia. Sem cessar o Senhor te guiará, em plena fornalha ele aliviará a tua garganta, teus ossos, eles os revigorará. Serás como um jardim irrigado, como uma fonte de água cujas águas não decepcionam”.

Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial (Sl 112):

R: Feliz o homem que teme o Senhor, Aleluia.

Feliz o homem que teme o Senhor e encontra grande alegria nos seus mandamentos. Potente sobre a terra será sua estirpe, a descendência dos justos será bendita. R:

Honra e riqueza haverá na sua casa e a sua justiça permanece para sempre. Desponta nas trevas como luz para os justos, bom, misericordioso e justo. R:

Feliz o homem piedoso que dá emprestado e administra seus bens com justiça. Ele não vacilará eternamente: o justo será sempre recordado. R:

Não temerá ao anuncio da desgraça, estável é o seu coração e confiante no Senhor. Seguro é seu coração até que triunfe sobre seus inimigos. R:

Ele doa com largueza aos pobres, a sua justiça permanece para sempre, a sua potencia se ergue na glória.

R: Feliz o homem que teme o Senhor, Aleluia.

II Leitura: leitura da carta de São Paulo aos coríntios (I Cor 12, 31-13,13)

Ambicionai os dons melhores. E, além disso, eu vou indicar-vos um caminho infinitamente superior.

Mesmo que eu falasse em línguas, as dos homens e a dos anjos, se me falta o amor, sou um metal que ressoa, um címbalo retumbante.

Mesmo que tenha o dom da profecia, o saber de todos os mistérios e de todo o conhecimento, mesmo que tenha a fé mais total, a que transporta montanhas, se me falta amor, nada sou. Mesmo que distribua todos os meus bens aos famintos, mesmo que entregue o meu corpo às chamas, se me falta o amor, nada lucro com isso. O amor tem paciência, o amor é serviçal, não é ciumento, não se pavoneia, não se incha de orgulho, nada faz de inconveniente, não procura o próprio interesse. Não se irrita, não guarda rancor, não se regozija com a injustiça, mas encontra a sua alegria na verdade. Ele tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca desaparece. As profecias? Serão abolidas. As línguas? Desaparecerão. O conhecimento? Será abolido. Pois o nosso conhecimento é limitado e limitada a nossa profecia. Mas quando vier a perfeição, o que é limitado será abolido. Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança e raciocinava como criança. Quando me tornei homem, pus cobro ao que era próprio da criança.

Agora, vemos em espelho e de modo confuso; então será face a face. Agora, portanto, o meu conhecimento é limitado; então, conhecerei como sou conhecido Agora, portanto, permanecem estas três coisas, a fé, a esperança e o amor; mas o amor é o maior.

Palavra do Senhor.

Evangelho: Mt 5, 1-12

Ao ver as multidões, Jesus subiu à montanha. Sentou-se, e seus discípulos aproximaram-se dele. E, tomando a palavra, ele os ensinava:

Felizes os pobres de coração; deles é o reino dos céus. Felizes os mansos; seu quinhão será a terra. Felizes os que choram; eles serão consolados. Felizes os que têm fome e sede de justiça: eles serão saciados. Felizes os misericordiosos: eles alcançarão misericórdia. Felizes os corações puros: eles verão a Deus. Felizes os que agem em prol da paz; eles serão chamados filhos de Deu. Felizes os perseguidos por causa da justiça: deles é o Reino dos céus.

Felizes sois vós quando vos insultam, vos perseguem e mentindo dizem contra vós toda espécie de mal por minha causa. Alegrai-vos e regozijai-vos, porque grande é a vossa recompensa nos céus: foi assim, com efeito, que perseguiram os profetas que vos precederam.

Palavra da Salvação.

Oração sobre as ofertas:

Senhor, dai a nós, que ofertamos estes dons sob Teu altar o mesmo espírito de amor, de ardente fé e caridade que concedestes ao Beato Pier Giorgio. Fazei com que ao celebrar esta Santa Eucaristia com pureza de coração e com amor, ofertemos um sacrifício agradável a Ti e sejamos conduzidos a salvação eterna. Por Cristo nosso Senhor.

Antífona de comunhão:

Não há amor maior, diz o Senhor, do que dar a vida pelos próprios amigos.

Oração depois da comunhão:

Senhor, fazei que nós sejamos renovados por esses mistérios e sigamos o exemplo do Beato Pier Giorgio Frassati que Te adorava com amor e servia O Teu povo com generosidade. Nós vos pedimos por Cristo Nosso Senhor.

Comentários (0) Trackbacks (0)

Sem comentários


Leave a comment

*
= 4 + 9

Sem trackbacks

Copy Protected by Tech Tips's CopyProtect Wordpress Blogs.